Diferença dos pais com os filhos

 

Isso é um questionamento comum dos filhos para com os pais e muitos pais dizem que isso não procede, que o tratamento e a intimidade é a mesma, mas temos muitos estudos de profissionais da saúde comprovando que não, que esse tratamento e intimidade não é igual e está tudo bem nisso, uma vez que cada indivíduo é diferente do outro, então, é natural que as relações interpessoais não sejam iguais.

E com esses estudos podemos verificar que ocorrem diferenças no tamanho do cérebro, crianças negligenciadas possuem um desenvolvimento do córtex cerebral abaixo da média e também apresentam ventrículos (cavidades) maiores no centro do cérebro.
Ou seja, crianças negligenciadas tem uma maior probabilidade de incidência de transtornos mentais durante a vida, comprometimentos cognitivos, dificuldades de regulação emocional e baixa habilidade de reconhecimento de expressões faciais e emocionais.

E em contrapartida, as crianças com educação e tratamentos afetivos adequados mostraram um desenvolvimento adequado referente a sua idade.

Com isso percebemos que as crianças precisam de um cuidado, atenção e apoio em especial, isso faz total diferença no seu dia-dia e em que tipo de ser humano essa criança irá se tornar lá na frente, como irá lidar com suas dificuldades e alegrias.
Portanto, cuide delas como sua pedra mais preciosa.

Eduque com carinho considera que o amor, a disciplina e o respeito são bases fundamentais para uma educação completa. Através de reflexões, histórias, exercícios de comportamentos, humor e poesia, as crianças são incentivadas a se tornarem autônomas, responsáveis, competentes, autoconfiantes e afetivas.
Sabemos também que intimidade é algo particular que a gente vai criando em convívio com o próximo, então é natural que adquirimos mais intimidade com um filho do que com o outro, mais isso é diferente de negligenciar é diferente da falta.
Vale a pena perceber nossas relação diárias com quem convivemos.
Lembre-se que aqui na Ciclos você encontra profissionais da área de Psicologia para criança e para adulto que poderá te ajudar melhor nessas questões, oferecendo todo o suporte necessário.
Estamos á disposição!
Texto – Manuela Juliani – Psicologa
Psicologas – Jaqueline Saraiva, Bianka Gomes e Júlia Diamantino
2018-05-08T11:08:34+00:00